iWatch-Revisto

Há algum tempo, a imprensa tem divulgado rumores sobre o desenvolvimento de um relógio pela Apple – que tem sido chamado de iWatch, ou mesmo, de Apple Watch.

Estes rumores se originaram desde o lançamento do antigo iPod Nano “quadrado”, já descontinuado, que permitia o seu uso com pulseiras, somado a alguns supostos vazamentos e registros de patentes, que demonstrariam o interesse da empresa em desenvolver um relógio.

iPod nano com pulseiras - seria este o "avô do iWatch"?

iPod nano com pulseiras – seria este o “avô” do “iWatch”/”Apple Watch”?

Obviamente, o foco deste novo produto da Apple não seria somente apresentar as horas, mas também permitir sua integração com os demais dispositivos móveis da empresa (como o iPhone).

Os rumores também apontam para o seu uso na monitorização da saúde de seus usuários. O fato é que a empresa tem se aproximado muito de empresas voltadas a práticas esportivas, além de contratar especialistas em saúde, o que ajudou a fortalecer estes rumores.

Muitos concorrentes se anteciparam ao rumor, lançando seus próprios “smart watches”, como a Samsung, com o seu Samsung Galaxy Gear, e a Sony, com o seu Smartwatch 2. Também temos um dos sucessos do Kickstarter, o Pebble.

Fato é que, como todos os produtos em desenvolvimento pela empresa, não há nenhuma informação confirmada sobre este produto – aliás, nem sobre se a empresa está de fato desenvolvendo um iWatch / Apple Watch.

Porém, um artigo lançado pelo renomado jornal suíço HANDELSZEITUNG vêm trazer mais fogo à lenha deste rumor. Segundo reportagem do último dia 13/03/2014, a Apple teria sondado alguns empresários da relojoaria suíça, pois desejava o selo Swiss Made para o seu “iWatch” / “Apple Watch”.

Jean-Claude Biver, Presidente da Hublot

Segundo o presidente de Hublot, Jean-Claude Biver, a “Apple entrou em contato com vários fabricantes suíços. Apple tentou fazer encomendas com os fornecedores da indústria relojoeira suíça. Um deles eu conheço pessoalmente”.

Ainda segundo Biver: “Mas não é só isso. A Apple contatou alguns de meus empregados, eu vi esses emails pessoalmente.  Mas nenhum dos meus empregados deixou a Hublot”.

O interessante é que a Apple já havia contatado a Hublot para conseguir o seu Magic Gold (“ouro mágico”), cuja dureza não permite que seja riscado, para a produção de seu novo iPhone 5S. Porém, a Hublot se recusou a colaborar com a Apple.

O Swatch Group têm sido mais discreto. Algumas informações internas só confirmaram que o Grupo está em contato com quase todos os produtores de smartfones, através das empresas EM Microelectronics e Renata.

Pessoalmente, acredito que estas informações praticamente confirmam o interesse da Apple em ingressar no mundo da Relojoaria. Como se dará esta entrada, acredito que ainda é cedo para se julgar. Tudo que envolve a empresa é sempre rodeado de muita especulação, fundamentada mais nos desejos dos usuários, do que necessariamente na visão da própria empresa. Vide os rumores que antecederam o lançamento do primeiro iPhone – no qual todos foram surpreendidos.

Vamos aguardar. Expectativas podem levar a decepção. Mas, quem sabe, seremos surpreendidos novamente?